Como surgiu o canto

Evolução

Por uma questão de curiosidade, antes de falar de técnicas de canto, achei interessante falar do surgimento da voz cantada mesmo que por uma construção teórica. Isso porque se confunde com o surgimento da música melódica, antes de qualquer instrumento, a voz, é a que carregamos desde o nosso nascimento.

O ritmo é o primeiro elemento musical a estimular o homem. Em qualquer tarefa ritmada, até nos dias de hoje, temos a noção de tempo e compasso, como por exemplo, chamar uma música de “bate estaca”. Correr, cavalgar, martelar, sempre nos dá uma cadência rítmica. Daí surge à relação entre sons tribais associados a batuques e gritos.

A emoção tem um papel importante no desenvolvimento do canto. A voz sempre foi um dos maiores reflexos da emoção humana e transparece todos os nossos sentimentos. Não é à toa que o detector de mentiras se espelha na voz. Em nossas exaltações, de qualquer sentimento, deixamos “escapar” sons e por meio dessas exclamações evoluímos para melodias.

Podemos dizer então que a fonação, produção dos sons vocais, passou pelas seguintes etapas:

· Onomatopéica;

· Reflexo-emotiva;

· Articulada simples;

· Articulada composta.

Os gritos evoluíram até chegar a uma melodia propriamente dita. As tribos primitivas passam a cantar seus “cantos mágicos”. Eles passavam de geração em geração para se pedir chuva,para domar animais ferozes, para ter filhos homens e outra série de coisas que são ilustradas hoje nos filmes.

Comentários

comments

Sobre o Autor

Bruno Francesco

Formado em Publicidade, MBA em Marketing Digital e Músico. Mantém as duas carreiras: publicitário e cantor.

Visit Website

6 Comments

  1. amei muito bem

  2. gostei muito esta de parabéns amei muito interessante

  3. Gostei muito!!

  4. Vi os cometá da Lara e eu concordo, foi linda a hístoria do canto

  5. eu adorei a historia obrigada Bruno Francesco

  6. amo cantar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*