Instrumentos Musicais


Começa uma nova categoria no blog que oferece uma informação geral sobre instrumentos musicais. Não vou seguir uma ordem técnica ou cronológica para apresentar a infinidade de instrumentos musicais que existem por aí. Pra quem estuda ou gosta de música, deve, sempre que possível, enriquecer seu vocabulário musical com novas sonoridades. Hoje, com a tecnologia, podem ser encontradas em um banco de samples de computador ou em um teclado de R$9,99 cheio de opções e códigos que lembram de longe as sonoridades originais. Muito melhor é saber de onde realmente, e não virtualmente, surgiu aquele som.

Os intrumentos musicais são organizados em famílias. Elas podem ser identificadas como:Metais, Madeiras, Cordas,Percussão e Tubos/Ventos, deixaremos a parte os instrumentos eletrônicos que, como o próprio nome diz, utilizam recursos eletrônicos como gerador do som e portanto descendentes dos acústicos. Veja no seguinte quadro:

Metais

Instrumentos constituídos de tubos metálicos dobrados ou enrolados de forma a obter dimensões cômodas para o manejo. Em uma das extremidades fica o bocal, pequena taça onde o músico assopra, e na outra a campânula, campana ou pavilhão, que é o difusor do som produzido. Inicialmente fabricados em cobre e latão, atualmente, recebem até componentes em acrílico.

Madeira

Alguns instrumentos de madeira são classificados errôneamente como metais (ex:saxofone). Isso devido ao corpo metálico feito de cobre ou latão como seus “primos” dos metais. Na verdade a razão para essa nomenclatura é que originalmente a maioria deles eram feitos de madeira e com o passar do tempo a matéria-prima foi se modificando. A flauta hoje é feita,também, de metal. No caso do Saxofone, apesar do corpo metálico, a sonoridade é obtida da palheta que é feita de madeira. Os sons dessa família possuem características sonoras mais “macias”, com relação aos metais.

Cordas

São instrumentos cuja vibração das cordas tensas provocadas pelo instrumentista e reverberadas pela caixa acústica do instrumento produzem o som dessa família. A vibração pode ser feita de duas maneiras: através da fricção provocada por um arco; Pinçadas com palhetas ou pelos dedos e Marteladas.

Percussão

Talvez a família mais antiga dos instrumentos, necessitam ser golpeados, agitados ou percutidos. são responsáveis, na grande maioria das vezes, pela marcação do tempo e ritmo em uma música. Popularmente conhecidos entre a classe dos músicos de “cozinha”. Se dividem em duas categorias:

Altura definida: produzem notas de altura determinada, aceitam afinação e produzem melodia.

Altura indefinida:produzem som de altura indefinida, prestando-se na marcação rítmica ou intervenções sonoras.

Tubos/Ventos

Os sons são obtidos através do sopro de ar (vento) através de tubos afinados. O sopro não é produzido pelo aparelho respiratório humano, mas por foles, bombas ou ventoinhas elétricas.

Nos próximos posts dessa categoria mostrarei a diversidades de intrumentos existentes.

Comentários

comments

Sobre o Autor

Bruno Francesco

Formado em Publicidade, MBA em Marketing Digital e Músico. Mantém as duas carreiras: publicitário e cantor.

Visit Website

Ainda não há comentários.

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*